Família Andaluz na Guiné Bissau

Notícias da Família Andaluz na Guiné Bissau

A Família Andaluz na Guiné Bissau tem vindo a passar pelo processo da borboleta, mas já dá sinais que está a sair do casulo!...

Há cerca de um ano foi lançado o desafio de se criarem novos grupos passando a reunirem-se por paróquias. A ideia foi sendo agarrada, e entraram novos membros! Neste momento, estão já funcionar dois grupos de jovens (o grupo dos jovens de S. Pedro e Cristo Redentor e o novo grupo em Santa Luzia) e quatro de adultos (Catedral, Santo António do Bandim, Nossa Senhora de Fátima e Ajuda).

Para 2019 temos como grande objectivo solidificar e estabilizar estes grupos, a par de fazermos a caminhada que nos foi proposta pela Coordenação Geral da Família Andaluz a 5 de janeiro: “Recebo, respondo, realizo: O sonho missionário de chegar a todos”.

E já pusemos as mãos à obra!

No dia 23 de janeiro aconteceu o primeiro Encontro Geral de 2019, para o qual tinham sido convocados todos os membros dos vários grupos, na paróquia de Santo António do Bandim. Estávamos cerca de 60 pessoas.

Tivemos a graça de iniciar o dia com a Eucaristia para a nossa Família, e animada por todos os jovens da mesma. Depois, num espaço cedido pela paróquia e organizado pelo grupo FA que nos acolheu, iniciámos os trabalhos. Foi uma manhã rica de encontro e partilha em Família: o grupo de jovens de Santa Luzia presenteou-nos com uma encenação de alguns textos evangélicos, lembrando-nos que somos todos discípulos missionários. O grupo de jovens de S. Pedro e Cristo Redentor fez a animação de cânticos. A Ir. Eugénia lançou o tema do ano, explicando os vários momentos dos encontros dos grupos. De seguida, os participantes reuniram-se para um tempo de reflexão e debate em pequeno grupo, o qual culminou no Plenário. Este foi encerrado pelas palavras sempre oportunas da nossa Coordenadora Nacional, a Rosa Robalo ou “a Tia Necas”, como aqui é carinhosamente chamada. Notava-se um ambiente de entusiasmo e sintonia com o desafio que nos foi lançado pela Coordenação Geral: de receber a semente do dom de Deus; de conhecer o nosso terreno, de nele procurar retirar os espinhos e pedras com a graça de Deus, para que possa dar mais fruto; de acolher o exemplo de Maria; de discernir como grupo FA que missão o Senhor nos poderá estar a pedir; e de pôr em prática o discernido. Por fim, e como não podia deixar de ser, reunimo-nos para confraternizar.

No dia 9 de fevereiro, os responsáveis dos grupos e as Irmãs reuniram-se para delinearem as linhas de rumo para 2019. Sonhámos juntos e pareceu-nos que esse sonho era agradável ao Senhor! Então, confiantes na Sua graça, decidimos que os encontros vão continuar a ser preparados previamente com as Irmãs; serão sempre os coordenadores a dinamizar os encontros nas paróquias, mas as Irmãs reforçarão a sua presença nos mesmos. Para além destes encontros, teremos outras actividades todos juntos: dois retiros para todos os membros da FA – em Maio e Novembro - com dinâmicas específicas para os adultos e para os jovens; a Peregrinação mariana ao Santuário de Nossa Senhora da Natividade em Cacheu em Outubro e mais um Encontro Geral, por altura do 20 de agosto, data do falecimento da Madre Fundadora. Criámos um grupo da Família Andaluz – Guiné Bissau no Whatsapp, como forma de comunicação, para nos estimularmos mutuamente à fidelidade ao carisma e ao nosso compromisso em rezarmos pelas vocações, nomeadamente no dia 3 de cada mês.

Ainda temos vários passos por dar, nomeadamente em ordem ao compromisso nesta Família, mas o que importa é que caminhemos, para chegarmos a novas metas. Estamos animados e queremos ir em frente, juntos como Família!

P´la Família Andaluz, em Bissau